20 jun
Mecânico verificando o motor do carro

Manutenção de carro: saiba como diminuir os gastos com 5 dicas

Manutenção de carro é um tema que costuma tirar o sono de quem tem um veículo. Até porque a manutenção corretiva é imprevisível, mas pode ser evitada com atitudes simples, reduzindo, assim, gastos futuros.

Esses cuidados começam na hora da compra e só terminam quando você deixa de ser o dono do carro.

Veja, abaixo, 5 dicas de como a manutenção preventiva pode ajudá-lo a diminuir os gastos com o veículo.

  1. Escolha bem antes de comprar

Se você vai comprar um carro seminovo, precisa se cercar de cuidados para evitar dores de cabeça. A primeira dica é dar preferência às lojas revendedoras, que são obrigadas por lei a fornecerem garantia de até 90 dias, para motor e caixa de câmbio.

Mesmo assim, antes de fechar o negócio, leve o carro ao seu mecânico confiança e peça para que ele faça uma avaliação completa do carro.

Depois de fechar o negócio, efetue a troca da correia dentada. Essa peça fica dentro do motor e não é possível avaliar o seu estado. Para garantir que não haverá problemas, o melhor é instalar uma nova.

  1. Troque o óleo na quilometragem adequada

O óleo do carro deve ser trocado a cada 5 mil quilômetros ou com 6 meses de uso. Se você não fizer a troca no período correto, o óleo começa a engrossar e a formar uma borra que prejudica todo o motor do seu carro. Dependendo do caso, você pode até perder o propulsor definitivamente.

Leia também:  5 dicas para financiar um carro seminovo

Além do óleo, troque também o seu filtro assim como o de ar, o do combustível e o do ar-condicionado.

  1. Mantenha os pneus calibrados e as rodas alinhadas

Um pneu bem cuidado pode rodar até 50 mil quilômetros. Por isso, mantenha sempre a calibragem indicada no manual do proprietário e faça o rodízio a cada 10 mil quilômetros.

A cada 6 meses, faça o alinhamento das rodas, para evitar o desgaste prematuro da borracha. Seguindo essas orientações, você não precisará trocar os pneus constantemente.

  1. Cuide do sistema de arrefecimento

O sistema de arrefecimento é vital para o funcionamento do seu carro. Portanto, fique atento ao nível do reservatório. Se for necessário completar, não utilize água pura, pois ela causa ferrugem nos componentes internos do motor.

Quando for abrir o reservatório, espere que o motor esfrie e depois ligue o carro para despejar o líquido até a marcação máxima. Jamais deixe passar dessa linha.

  1. Não abuse do motor

Sabe aquela faixa vermelha que marca os últimos números do conta-giros do seu carro? Pois é, ela está lá para avisar que aquele é limite de rotações que o propulsor suporta.

Não deixe o ponteiro se aproximar muito dela constantemente, pois isso desgasta os componentes do motor e diminui a sua vida útil. No manual do proprietário há uma indicação de rotações ideais para trocas de marcha. Procure segui-las, para que você possa tratar bem o motor do carro e ainda economizar combustível.

Leia também:  5 dicas para financiar um carro seminovo

Seguindo essas dicas você não terá problemas com a manutenção do seu carro. Além disso, lembre-se: um carro seminovo costuma apresentar menos problemas do que um usado! Quer ter acesso a mais conteúdos como este? Então curta a nossa página no Facebook!

Sobre o autor

Leave a Comment